Na segunda-feira, 30 de outubro, entre 19h e 20h, Lúcia Veríssimo estará no Centro Cultural do Brasil em Barcelona para, com alunos do centro e público em geral, conversar sobre seu filme “Eu, meu pai e Os Cariocas”, que, na terça-feira, dia 31,  será exibido no Cine Aribau, no âmbito do festival In-Edit.

Aforo limitado.

lucia verisssimo eu meu pai os cariocas

 

O documentário mostra a história da música no Brasil a partir da Rádio Nacional até os dias de hoje, tendo como fio condutor a carreira do Maestro Severino Filho, fundador do grupo vocal OS CARIOCAS, conjunto que lançou a BOSSA NOVA no Brasil.

A partir da afirmação de Tom Jobim de que toda música é o reflexo de sua época, o filme expõe como a cultura dessa nação extremamente musical foi sendo escrita com as influências sociopolíticas desde 1946 a 2016.

Foram captados mais de 60 depoimentos com os mais influentes artistas, musicólogos, escritores, maestros, compositores e historiadores para relatar uma história que até hoje não foi contada no cinema, a forma como a música é influenciada pela política. O documentário foi idealizado, dirigido, produzido e narrado pela atriz Lúcia Veríssimo, filha do Maestro Severino Filho, o que a torna testemunha direta de grande parte dessa trajetória.

Responsável pela câmera um, os depoimentos são dados com a intimidade de quem convive com a atriz/diretora desde sua mais tenra idade, fazendo assim com que o espectador possa se sentir como um convidado especial naquela “conversa”.

Começando a narrativa na famosa Rádio Nacional, passando pela Bossa Nova, Tropicália, Samba e MPB, esse documentário faz uma explanação de como fatos históricos foram determinantes no desenvolvimento artístico brasileiro. O documentário conta com um rico acervo entre fotos, filmes, vídeos, além de 134 músicas.

lucia verisssimo eu meu pai os cariocas - in edit brasil

 

lucia verisssimo eu meu pai os cariocas - tudo verdade