Month: maio 2018

Eduardo Nóbrega visita Coral Villa-Lobos

A alegria e entusiasmo do maestro Eduardo Nóbrega invadiu ontem o Centro Cultural do Brasil para ministrar uma master class aos membros do Coral Villa-Lobos. Neste período, foi trabalhada a música “A Vida de Viajante de Luiz Gonzaga”, com um arranjo sugerido pelo professor, com um enfoque na questão performática através da dança e do estilo popular característico do nordeste brasileiro.

O maestro Eduardo Nóbrega é professor de regência coral da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), regente do Coral Universitário Gazzi de Sá e diretor artístico do Festival Paraibano de Coros (FEPAC), que teve a sua 25ª edição em 2017. Também é autor do livro “Orquestra Sinfônica da Paraíba: Trajetória Artística e Dimensões Socioculturais”.

A troca de experiências entre o maestro paraibano e o Coral Villa-Lobos foi enriquecedora e contribuiu para divulgar a cultura brasileira entre os membros do coral, formados por brasileiros e espanhóis.

Para participar do coral, basta gostar de música. A atividade é gratuita e os ensaios são às segundas-feiras, das 13h às 15h, ou quintas-feiras, das 17h às 18h40min, no CCBBcn.

O maestro Eduardo Nóbrega (centro) com os alunos do coral.

 

 

Ana Paula Maia. Escritura visceral – Conferência na Universidade de Barcelona

Maristela Scremin Valério, pesquisadora da Universidade Estadual de Maringá, oferece a conferência “Ana Paula Maia. Escritura visceral” com entrada livre, nesta quinta-feira, 10 de maio.

Leia mais

Cíntia Moscovich. Questões de gênero – Conferência na Universidade de Barcelona

Virgínia Maria Vasconcelos Leal, pesquisadora do Grupo de Estudos em Literatura Brasileira Contemporânea (GELBC) e professora de Teoria da Literatura na Universidade de Brasília, oferece a conferência “Cíntia Moscovich. Questões de gênero”.

Moscovich é uma escritora muito singular no panorama brasileiro, que permite pensar como atuam as tensões de gênero e sexualidade no campo literário do Brasil. Autora de romances e  contos em que trata de temas como o lesbianismo, a corporeidade ou as suas raízes judias, publicou, entre outros títulos, Reino das Cebolas (1996), Duas iguais (1999) e Anotações durante o incêndio (1998).

Atividade aberta e gratuita do Cicle No només Clarice Lispector d’Estudis Gallecs i Portuguesos em co-organização com o Màster en Estudis Llatinoamericans, ADHUC e o Centro Cultural do Brasil em Barcelona.

Quando: sexta-feira, 4 de maio, de 18h15min a 19h15min
Onde: Aula 209, Facultat de Geografia i Història
Universitat de Barcelona
C/ Montalegre, 6