Month: dezembro 2016

Feliz Natal – Com seus mistérios gozosos, nossa homenagem ao artista Cláudio Pastro

claudio-pastro-misterios-gozosos-2

 

 

 

CLÁUDIO PASTRO (São Paulo, 16 de outubro de 1948 – São Paulo, 19 de outubro de 2016)

Era considerado por especialistas de arte sacra como o brasileiro mais expressivo da atualidade nesta área. Grande devoto da espiritualidade beneditina, recebeu o título de oblato.

Reconhecido internacionalmente, realizou trabalhos em vários países como Itália, Alemanha, França e Espanha.

Sua refinada arte pode ser admirada em centenas de capelas, igrejas, catedrais e mosteiros espalhados pelo Brasil e no exterior, nos quais foi responsável pelos projetos arquitetônicos, pinturas, vitrais, azulejos, altares e peças litúrgicas.

Em reconhecimento por sua relevante contribuição à arte sacra, Pastro recebeu o título de Doutor Honoris Causa, em 2007, pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná.

Desde 1975, Pastro se dedicava à arte sacra, tendo cursado teoria e técnicas de arte na Abbaye Notre Dame de Tournay (França), no Museu de Arte Sacra da Catalunha (Espanha), na Academia de Belas Artes Lorenzo de Viterbo (Itália), na Abadia Beneditina de Tepeyac (México) e no Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo

Desde o ano de 2000, Cláudio Pastro teve incumbência de cuidar de toda a arte da Basílica Nacional de Nossa Senhora Aparecida. O artista também foi o responsável pela criação de todas as peças litúrgicas que o Papa Francisco utilizou na celebração das missas realizadas em Aparecida e no Rio de Janeiro em 2013.

Entre as obras mais recentes, está o memorial a Nossa Senhora Aparecida, inaugurado pelo Papa Francisco nos Jardins do Vaticano no início de setembro deste ano.

http://br.radiovaticana.va/news/2016/10/19/morre_o_artista_sacro_cl%C3%A1udio_pastro/1266300

Apresentação de Cinema Novo, de Eryk Rocha

cinema-novo-banner-cinesa-diagonal

Exibição do filme Cinema Novo, de Eryk Rocha, com apresentação de Carlos Pulido, nesta terça-feira,  dia 13 de dezembro, às 20h30, na sala Diagonal Sarriá de Barcelona. Escolhido pela crítica brasileira como o melhor filme de 2016, foi premiado como o melhor documentário no Festival de Cannes de 2016.

Presente de um pôster DinA3 do filme a todos os assistentes a esta sessão especial.

 

DIA DE CLARICE 2016

http://www.ims.com.br/ims/visite/programacao/hora-de-clarice/programacao-2016-no-ims

clarice-2016

DIA DE CLARICE 2016

Programação no INSTITUTO MOREIRA SALLES – Rio e Poços de Caldas

Instituto Moreira Salles Rio de Janeiro
10 de dezembro

16h30 
Conversa com as tradutoras Katrina Dodson (The complete stories) e Paloma Vidal (La legión extranjera e Un soplo de vida). 

Local: sala de aula
Entrada gratuita, sujeita à lotação da sala.

Katrina Dodson é tradutora, professora e escritora. Publicou The complete stories (2015), volume que reúne todos contos de Clarice Lispector, organizado por Benjamin Moser, publicado pela New Directions e vencedor do Pen Translation Prize 2016.

Paloma Vidal é escritora, crítica, tradutora e professora de Teoria Literária na Universidade Federal de São Paulo. Traduziu e prefaciou Un soplo de vida (2010) e La legión extranjera (2011), publicados pela Corregidor Editora.

16h às 18h 
Atividade educativa “Este não é um livro – Porque não é assim que se escreve” (Família em foco)

Leitura de trechos do livro Água viva produção de textos poéticos e imagens inspiradas nos trechos, buscando inspiração na linguagem líquida da autora. A atividade integra o Família em foco, programa de ações para grupos familiares no IMS do Rio de Janeiro.

Faixa etária: adultos e crianças a partir de 6 anos
Nº máximo de participantes: 25 pessoas

Entrada gratuita, sujeita à lotação da sala.
Distribuição de senhas 30 minutos antes do evento.

18h30
Leitura de cartas de Clarice Lispector às irmãs Tania e Elisa, com as atrizes Georgiana Góes, Gisele Fróes e Raquel Iantas. Direção de Bruno Lara Resende.
Local: auditório
Entrada gratuita, sujeita à lotação da sala.
Distribuição de senhas 30 minutos antes do evento.
Bruno Lara Resende é tradutor, diretor e adaptou para o teatro Madame Bovary, de Flaubert.

Instituto Moreira Salles Poços de Caldas


10 de dezembro

16h
Exibição do vídeo “O ovo, Clarice e a galinha”, dirigido por Eucanaã Ferraz e Laura Liuzzi, baseado no conto da escritora. A seguir, haverá debate com a  participação do professor de literatura Sérgio Montero. 

Local: Casa da Cultura
Evento gratuito